Profº Pe. Sergio pede informações sobre atendimento a pacientes afetados por picadas de escorpião

O vereador Professor Padre Sergio (PT) protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Americana um requerimento em que pede informações ao Poder Executivo sobre o atendimento prestado a pacientes afetados por picadas de escorpião no município.

No documento, o parlamentar relata ter recebido diversos questionamentos de moradores de vários bairros da cidade após a notícia da morte de uma criança vítima de picada de escorpião nos últimos dias.

Sergio destaca que, em resposta ao requerimento nº 176/17, o subsecretário da Unidade de Vigilância em Saúde (Uvisa), Antonio Donizeti Borges, informou que Americana diagnosticou 365 pessoas afetadas por picadas em 2016, sendo que nenhum paciente atendido morreu após ser picado.

“Na propositura foi perguntado se existe algum tipo de cronograma para a realização de dedetizações nos locais com maior risco de aparecimento desses animais peçonhentos, ao que foi respondido que estava sendo estudada a possibilidade de implantação de controle químico”, aponta o vereador.

No requerimento, o parlamentar questiona se o município manteve, no primeiro semestre deste ano, a média de uma pessoa picada por dia, e se mais algum paciente morreu vítima de picada de escorpião. Pergunta, ainda, quais bairros registram os maiores índices desse tipo de acidente e se o atual secretário de Saúde está em contato com a Uvisa para a realização de controle químico em Americana. Em caso de resposta negativa, pergunta o que a secretaria tem feito para prevenir os casos.

O requerimento será discutido e votado pelos vereadores em Plenário, durante a sessão ordinária de quinta-feira (17).

Related posts

Leave a Comment